terça-feira, 26 de agosto de 2014

#Diário de viagem - Amsterdam dia 1 + nossos problemas com o apê do AirBnB

Nossa, acho que vou chorar de saudades todas vezes que começar montar um post sobre a minha eurotrip, rs. No post passado eu contei um pouco sobre o meu último dia em Berlim e sobre a minha ida para Amsterdam, quem ainda não viu clica aqui. Bom, após algumas boas horas de trem chegamos, logo pela manhã, na cidade mais charmosa que eu já fui na vida. Amsterdam te proporciona todas as loucuras possíveis, mas ao mesmo tempo te faz querer curtir um dia calmo andando pelas ruazinhas antigas, como diria Hannah Montana "You get the best of both worlds".

Como eu estava viajando com amigos, nós resolvemos alugar apartamentos pelas cidades que passamos, uma dica muito boa para quem está com mais pessoas e quer economizar grana, mas é preciso tomar muito cuidado. Usamos o site Airbnb - tanto para alugar o apê de Berlim, quanto o de Amsterdam, não tive problema algum para fazer as reservas e tive uma acomodação maravilhosa no início da viagem. Porém, o sonho de ter apês lindos em todas as cidades se desfez quando chegamos no muquifo holandês, pior experiência da viagem. Para quem não sabe, o Airbnb funciona como um eBay, só que de apês (rs), você encontra o lugar, tem várias fotos para te vender o produto, mas quando chega pode não ser nada daquilo que estava no site. Nós fomos meio que enganados e encontramos um apartamento horrível no quesito limpeza, sério. O sofá tinham milhões de pelos de gato, muita poeira e coisas nojentas, a sala tinha cheiro de chulé Cheetos e a cozinha era quase que uma lata de whiskas - pelo cheiro e pelos restos espalhados por lá. O host foi bem simpático, mas acabou não resolvendo nosso problema e nesse limbo ficamos por 4 dias. #ClasseMédiaSofre hahaha

Não nos deixamos abalar e resolvemos tentar passar a maior parte do tempo possível na rua e só ir pro apê dormir, no final deu tudo certo. No primeiro dia foi aquele esquema de conhecer o restaurante mais próximo para matar a fome, andar pela vizinhança e a noite fomos conhecer o centrão e passar rapidinho pela red light district (voltamos outro dia com mais tempo para ver tudo).


Dica: Amsterdam tem o metro quadrado mais recheado de pessoas maravilhosas que eu já vi, é sem condições. Os solteiros de plantão podem ir correndo pra lá se apaixonar por 5 pessoas a cada passo, rs.


Nesse primeiro dia também fomos num dos mais famosos coffee shops, o Bull Dog. Na verdade, existem 3 (ou 4) Bull dogs por lá, cada um com uma decoração diferente, espaço e regras, por exemplo, nesse que fomos no primeiro dia era possível comprar bebida alcóolica dentro do estabelecimento - o que não é muito comum ser permitido nos coffees de lá e tocava um hip-hop de balada. Dai aquele esquema: acende, puxa, prende e passa durante algum tempo e depois saímos para rodar mais a cidade.
Dica pra vida: Se estiver hospedado próximo ao centro da cidade pegue uma "bike bolha" para voltar pra casa, é uma experiência incrível. A "bike bolha" é basicamente um casa pedalando na frente e você atrás sentado numa "carruagem" em formato de bolha, rs. Cabem 3 pessoas e as corridas podem ser combinadas o valor antes de seguir viagem, o que é o mais inteligente se se fazer no caso.


Não existe a possibilidade de ir pra Amsterdam e não comer um croquete nesse antro de obesidade maravilhoso chamado Febu (foto acima). Você encontra essas lojinhas por toda parte da cidade e é a maneira mais rápida e fácil de conseguir comida na vida. O esquema deles é muito inteligente, você entra, coloca moedas na maquina, escolhe seu lanche, pega e vai embora, fim. A qualidade dos produtos no quesito sabor é excelente, mas também vem com aquele combo cancerígeno de fast food que todos nós sabemos bem. Comer um (ou dez) por dia não vai te matar, rs!

Amanhã falo mais desse rolê e do festival INCRÍVEL que tive o prazer de ir, o Dekmantel. Aguardem! hehe

Fotos do rolê por Breno da Matta e nossos Instagrams (@EiLeo, @brenodaMatta, @GiovannaFerrezi).

3 comentários:

  1. Oi Leo, eu estou louco pra ver os vlogs!
    Queria muito conhecer Amsterdam, depois que eu li o livro "A Culpa é das Estrelas" fiquei louco pra conhecer a cidade <3 Abraço

    http://demangacomprida.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Ei Leo. Adorei o post. Que sonho essa viagem sua :)
    Fica muito caro? :S
    Aguardado os vídeos.
    www.descomplica.blog.br

    ResponderExcluir